BB Seguridade: lucro líquido ajustado registra maior valor histórico para um 1° trimestre

6 de Maio de 2019 Por Redação

 

Publicado às 19h05min

A BB Seguridade (BBSE3), o braço de seguros do Banco do Brasil, divulgou após o pregão desta segunda, 6, seu resultado trimestral.

No 1T19 o lucro líquido ajustado apresentou crescimento de 11,7% em relação ao reportado no 1T18, atingindo R$1,0 bilhão, o maior valor histórico para um primeiro trimestre.

“O desempenho é justificado pela evolução do resultado financeiro combinado das empresas do grupo, que registrou crescimento de 60,8% no período”, explicou.

Segundo a empresa, o desempenho do resultado financeiro combinado das coligadas e controladas da BB Seguridade foi motivado, principalmente: pelo descasamento temporal na atualização de ativos e passivos dos planos de benefício definido na Brasilprev, onde neste trimestre as despesas financeiras foram impactadas positivamente pela deflação do IGP-M no período de dezembro de 2018 a fevereiro de 2019 enquanto que as receitas financeiras também foram favorecidas pela alta tanto do IGP-M como do IPCA no período de janeiro a março de 2019.

De acordo com a companhia, também impactou a realização de ganhos na alienação de títulos públicos que estavam classificados como disponíveis para a venda pela Brasilseg, além de impacto positivo nas receitas financeiras de atualização monetária de depósitos judiciais, resultado de plano de ação para saneamento de contas transitórias de depósitos judiciais, e nas despesas financeiras de atualização de sinistros a  liquidar, em razão de trabalho de saneamento da base de processos judiciais com Provisão de Sinistros a Liquidar Judicial (“PSLJ”).

Outro motivo foi devido a resultados decorrentes da estrutura de hedge cambial para operações no exterior no IRB-Brasil RE.

Já o resultado operacional não-decorrente de juros combinado das empresas do conglomerado apresentou queda de 0,8% no 1T19, impactado principalmente pelos sinistros relacionados ao El Niño que afetaram a sinistralidade da Brasilseg.

No 1T19, o retorno anualizado sobre o patrimônio líquido médio da BB Seguridade atingiu 58,9%, crescimento de 18,5 p.p. em relação ao primeiro trimestre de 2018.

Acesse aqui o release com a análise trimestral fornecida pela companhia.

Veja a tabela: