Não deixe de ler

BTG reitera preferência pela Gerdau sobre a Usiminas: entenda

 

Publicado às 13h55

 

Em um relatório publicado em seu site, o BTG Pactual informa que tem respondido a uma série de questionamentos sobre os resultados “decepcionantes” da Usiminas (USIM5) e se há uma comparação que justifique a queda das ações da Gerdau (GGBR4) também. 

O time de analistas ressalta que, além do fato conhecido de que os resultados do primeiro trimestre de 2022 (1T22) das siderúrgicas brasileiras devem ser pressionados por alguns descontos de preços, volumes fracos (sazonalidade) e pressões de custo, acredita que existem diferenças importantes entre os dois casos. 

A equipe explica que, como ponto de partida, está modelando o EBITDA para a Gerdau no 1T22 em R$ 5,7 bilhões, mas ainda esperamos que as margens EBITDA no Brasil se contraiam perto de 7p.p. t/t para cerca de 24-25%. 

“Mesmo que o EBITDA seja apenas um pouco acima de R$ 5 bilhões, como alguns estão estimando, isso ainda implicaria um EBITDA anualizado de R$ 20 bilhões para o ano – considerando as expectativas de R$ 13-14 bilhões algumas semanas atrás (aumentos de estimativas chegando)”, escrevem os analistas, destacando também que a força dos Estados Unidos oferece um fator de compensação interessante para a tese de investimento na Gerdau, além de ser uma história operacional, fluxo de caixa e alocação de capital muito mais “limpa”.

Vale lembrar que a Gerdau tem exposição importante ao mercado americano. 

“Embora entendamos que esta é uma alocação mais consensual, reiteramos nossa preferência de longa data pela Gerdau sobre a Usiminas, e esperamos que a primeira continue tendo desempenho superior no futuro próximo”, avalia o time do BTG. 

Para o banco, a Gerdau continua sendo a principal escolha em siderurgia negociando abaixo de 3x EBITDA 22 e entregando rentabilidade de fluxo de caixa de dois dígitos.

O BTG tem classificação de “compra” para a GGBR4 com preço-alvo de R$ 43. 

 

Importante:

O Finance News não faz recomendação de compra ou venda de ativos. O texto acima tem por objetivo informar. O preço-alvo é uma projeção baseada em uma metodologia e varia dependendo da instituição financeira. Procure profissionais especializados e certificados para tomar qualquer decisão sobre investimentos.

Whatsapp: 

Para receber notícias entre no grupo pelo link: 

https://chat.whatsapp.com/GFYzqsYpm1h8erVdgL0qVR

Telegram

Para notícias entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFdKtmVSmTmfF68jIA

Para análise gráfica entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFk1BILf5KNH9DlQ3A

 

 

 

Published by
Redação

Recent Posts

Companhias que divulgaram informações sobre dividendos e JCP na semana

  A seguir confira as companhias com ações negociadas na B3, a Bolsa brasileira, que…

2 de julho de 2022

Sinqia tem novo VP de produtos, pessoas, tecnologia e vendas

    Publicado às 23h24 A Sinqia (SQIA3) informou na noite de sexta que João…

1 de julho de 2022

MRV anuncia venda de empreendimentos da Luggo por R$ 141,5 milhões

  Publicado às 23h   A MRV Engenharia e Participações (MRVE3) informou na noite desta…

1 de julho de 2022

Vamos: concluídas todas as condições precedentes à aquisição da Truckvan

  Publicado às 23h04   A Vamos (VAMO3), companhia do setor de locação de caminhões,…

1 de julho de 2022

Enauta inicia parada programada no Campo de Atlanta

  Publicado às 20h45   A Enauta Participações (ENAT3) informou na noite desta sexta, 1,…

1 de julho de 2022

Petrobras assina acordo com a ANP

  Publicado às 20h36   A Petrobras (PETR3, PETR4) assinou nesta sexta, 1, acordo com…

1 de julho de 2022