MANCHETE 4

CCR assina com a Agência Nacional de Transportes Terrestres a concessão da Dutra

 

Publicado às 21h36

 

A CCR (CCRO3) informou na noite desta sexta, 28, que foi celebrado por sua controlada Concessionária do Sistema Rodoviário Rio – São Paulo (CCR RioSP) e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), o contrato de concessão da rodovia Presidente Dutra, um dos mais importantes trechos rodoviários do país.

O contrato prevê prestação do serviço de exploração da infraestrutura e prestação do serviço público de recuperação, operação, manutenção, monitoração, conservação, implantação de melhorias, ampliação de capacidade e manutenção do nível de serviço do Sistema Rodoviário Rio de Janeiro – São Paulo, sendo: Rodovia BR-116/RJ, entre o entroncamento com a BR-465 no município de Seropédica (km 214,7), e a divisa RJ/SP (km 339,6); Rodovia BR-116/SP, entre a divisa RJ/SP (km 0) e o entroncamento com a BR-381/SP-015, Marginal Tietê (km 230,6); (iii) Rodovia BR-101/RJ, entre o entroncamento com a BR-465, no município do Rio de Janeiro (Campo Grande) (km 380,8), e a divisa RJ/SP (km 599); e (iv) Rodovia BR-101/SP – entre a divisa RJ/SP (km 0) e Praia Grande, Ubatuba (km 52,1). 

A concessão terá um prazo de 30 anos. 

A data de assunção e, consequentemente, o termo inicial do prazo da concessão, está prevista para 1° de março de 2022. 

“A assinatura do contrato de concessão representa a concretização de mais uma importante etapa do planejamento estratégico do Grupo CCR, que visa o seu crescimento qualificado, disciplina de capital, agregar valor aos acionistas e contribuir para o desenvolvimento socioeconômico e ambiental das regiões onde atua”, afirmou a CCR em um fato relevante.

O sistema rodoviário BR-116/101/RJ/SP faz a ligação entre as duas maiores regiões metropolitanas do país: Rio de Janeiro e São Paulo, por onde é transportado 50% do Produto Interno Bruto (PIB). 

A concessão em questão (BR-116 e BR-101) tem 625,8km de extensão. 

Segundo a CCR, serão investidos R$ 13,5 bilhões ao longo de 30 anos de concessão. 

“Com os investimentos previstos no edital de concessão, a rodovia Presidente Dutra irá se tornar a via mais avançada em tecnologia do Brasil”, afirmou a CCR. 

Já com relação à BR-101, a CCR destacou que a rodovia vai receber obras que vão oferecer mais dinamismo ao tráfego como a duplicação de 80 km, além de 33 km de faixas adicionais ao longo da via e a construção de centenas de estruturas operacionais de apoio ao motorista.

Whatsapp: 

Para receber notícias entre no grupo pelo link:

https://chat.whatsapp.com/HpxC8I2vsbZGDPkiBPuyMk

Telegram

Para notícias entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFdKtmVSmTmfF68jIA

Para análise gráfica entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFk1BILf5KNH9DlQ3A

 

 

Published by
Redação
Tags: CCRCcro3

Recent Posts

Eventos que podem impactar a Bolsa na semana

  Eventos no radar do mercado na semana: Vencimento de opções Na quarta-feira, dia 18,…

15 de maio de 2022

Cemig reporta lucro 244% maior no 1T22

  Publicado às 11h04   A Cemig (CMIG4) reportou lucro líquido de R$ 1,45 bilhão…

15 de maio de 2022

Notícias corporativas e 6 links sobre análise de fundamentos

  Atualizado às 11h12   Notícias corporativas (clique nos links abaixo para ler os detalhes)…

15 de maio de 2022

Assista ao estudo do Ibovespa, Petr4, Vale3, Cple6, Bbdc4, Itub4, Itsa4, Ggbr4, Mglu3 e de Mrfg3

    Assista ao estudo do Ibovespa, Petr4, Vale3, Cple6, Bbdc4, Itub4, Itsa4, Ggbr4, Mglu3…

15 de maio de 2022

Raízen reporta queda no lucro ajustado

  Publicado às 23h07   A Raízen (RAIZ4) divulgou na noite de sexta, 14, seus…

15 de maio de 2022