MANCHETE SECUNDÁRIA

Para BTG, Raízen ainda é uma de suas ‘top picks’

 

 

Publicado às 14h55

 

 

Analistas do BTG Pactual realizaram uma reunião com administradores da Raízen (RAIZ4). Em relatório publicado em seu site, a instituição financeira diz acreditar que está em posição de reforçar seu otimismo de curto e longo prazo em relação à história. 

“A Raízen é uma das nossas “top picks”, e a performance mais fraca recentemente (-10% desde início do mês, -18% desde o IPO) faz pouco sentido para nós à luz do que tem sido um cenário cada vez mais construtivo para os preços do açúcar e etanol e margens de distribuição de combustíveis”, escreve o time de analistas. 

Top pick no jargão do mercado é algo como ação preferida.

A equipe avalia que o momento parece ser uma “distorção” para um IPO (oferta pública inicial de ações) recente e que gerou alguma controvérsia depois de publicar uma projeção mais conservadora que possui pouco impacto nas perspectivas de longo prazo. 

“Outro ponto que reforça essa percepção de distorção é o fato do movimento de preço da Raízen não ter afetado as ações da controladora CSAN3 (RAIZ4 apresentou desempenho 17% abaixo da CSAN desde início de novembro)”, argumenta o time.

O BTG relata que a conversa com a administração girou basicamente em torno da projeção de resultados do ano fiscal de 21/22, o que gerou uma reação muito negativa dos investidores. 

“A Raízen possui uma das combinações mais poderosas em nosso universo de cobertura: ações líquidas, empresa com grau de investimento, exposição em US$, posição de liderança nos segmentos em que atua, forte momento operacional em açúcar e etanol e se transformando no que entendemos ser uma promissora agenda de longo prazo das energias renováveis”, escrevem os analistas.

O BTG vê o valuation agora “mais atrativo do que nunca” em 11,5x P/L 2022/2023.

Preço-alvo

A instituição financeira tem recomendação de “compra” a ação RAIZ4 com preço-alvo de R$ 11. 

Riscos

Antes de investir em uma ação, é importante entender os riscos a que a empresa está exposta. 

O BTG destaca que os negócios da Raízen estão sujeitos a diversos riscos, como climáticos que afetam a produtividade da cana-de-açúcar; volatilidade do preço do açúcar e do etanol; riscos regulatórios relacionados ao seu negócio de distribuição de combustível; aumento da penetração de veículos elétricos; competição de participantes informais em seus negócios de marketing e de cana-de-açúcar e riscos macroeconômicos no Brasil e na Argentina. 

 

Importante:

O Finance News não faz recomendação de compra ou venda de ativos. O texto acima tem por objetivo informar. O preço-alvo é uma projeção baseada em uma metodologia e varia dependendo da instituição financeira. Procure profissionais especializados e certificados para tomar qualquer decisão sobre investimentos.

Whatsapp: 

Para receber notícias entre no grupo pelo link: 

https://chat.whatsapp.com/LF2GnV6Nesv7cxtrEd3gyK

Telegram

Para notícias entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFdKtmVSmTmfF68jIA

Para análise gráfica entre nesse grupo: https://t.me/joinchat/AAAAAFk1BILf5KNH9DlQ3A

 

 

Published by
Redação
Tags: BTG Pactual

Recent Posts

Prisma Capital assume posição acionária majoritária na Dommo

  Publicado às 23h03   A Prisma Capital, por meio de veículos sob sua gestão,…

28 de janeiro de 2022

Notícias corporativas da noite desta sexta, 28

    Publicado às 21h43   Notícias corporativas da noite desta sexta, 28 (para ler…

28 de janeiro de 2022

CCR assina com a Agência Nacional de Transportes Terrestres a concessão da Dutra

  Publicado às 21h36   A CCR (CCRO3) informou na noite desta sexta, 28, que…

28 de janeiro de 2022

Iguatemi reporta alta de 11,8% nas vendas no 4T21 sobre o 4T19

  Publicado às 21h08   A Iguatemi (IGTI11), uma das maiores empresas full service no…

28 de janeiro de 2022

Eneva encerra negociações para aquisição do Pólo Urucu, da Petrobras

    Publicado às 20h07   A Eneva (ENEV3) encerrou sem êxito as negociações para…

28 de janeiro de 2022

Americanas aprova novo programa de recompra de ações

  Publicado às 19h45   O conselho de administração da Americanas (AMER3) aprovou um novo…

28 de janeiro de 2022